Total de visualizações de página

quarta-feira, 6 de maio de 2015

PAGAMENTO DE DIÁRIAS PARA VIAGEM

O debate continua 

Na última Sessão Legislativa (4/5), solicitei da Câmara Municipal e da Prefeitura um relatório que detalhe os gastos com viagens por Vereadores, Prefeito, Vice, e Secretários Municipais, com descrição nominal e totalização dos gastos mês a mês, em 2013, 2014 e 2015.


OS REQUERIMENTOS DEVEM SER VOTADOS NA PRÓXIMA SEMANA (11/5)



Justifiquei os pedidos lembrando que esta Legislatura já soma 3 polêmicas em torno do tema, sem que população e vereadores saibam com clareza o quanto tem sido gasto e para quê.


Polêmicas:

1- O ex-vereador Altair Nogueira foi acusado pela Polícia Federal de receber diárias de viagem na data em que estaria em festa, em Varginha, com garotas menores de idade. A CPI que pedi para investigar o caso não foi aprovada.
(ERRATA NO RODAPÉ)

2 - Na primeira sessão de 2015, os vereadores Fabiano Quati e Regina V. Moysés trocaram acusações de mau uso das diárias para viagem. A CPI que pedi para estudar o caso não foi aprovada. O caso foi abafado sem investigação ou apresentação de documentos esclarecedores.

3 - A aprovação de diárias para viagens internacionais a pedido do Prefeito, em 24h, sem qualquer tipo de estudo legislativo ou regulamentação, e sem debate público.

No conjunto, as suspeitas e polêmicas dão razão para o tricordiano acreditar que está pagando farras com diárias de viagens. E provar o contrário é muito simples: transparência efetiva.

Obs: consegui, até aqui, trabalhar sem requerer nenhuma diária de viagem; e desconheço casos em que mandatários tricordianos devolveram aos cofres públicos parte das diárias recebidas e não utilizadas integralmente.

ERRATA
O ex-vereador Altair Nogueira entrou em contato com meu gabinete, por e-mail, pedindo a retificação da informação inicialmente publicada aqui, de que ele 'está' sendo investigado pelo mau uso de diárias para viagens. Esta publicação foi embasada no último parágrafo da notícia veiculada pela EPTV disponível no link abaixo, em que o delegado Girotto, da PF, afirma a suspeita. 
Reconhecendo o equivoco, de que ele 'foi' investigado, e pode não 'estar sendo' mais, retifiquei tempo da ação, e me desculpo com o ex-vereador. Contudo, a referência à suspeita passada foi mantida, por ser de interesse público e embasada em fonte jornalística. 
Fonte:
http://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2013/12/altair-nogueira-deixa-presidencia-da-camara-municipal-de-tres-coracoes.html 

JUNTOS PODEMOS +
drmauriciogadbem@gmail.com
35-3239-1538



Nenhum comentário:

Postar um comentário